Vítima dos Vândalos

Santiago Andrade

 

Por Rachel Sheherazade

Lembram quando, no início das manifestações de julho, os vândalos começaram a espalhar o terror , e a polícia tentou contê-los e a mídia se voltou contra a polícia?

Pois, é! Passamos a mão na cabeça dos baderneiros e deu no que deu. O discurso virou violência. Ônibus queimados, prédios pichados, monumentos depredados, bancos saqueados, todo esse caos virou lugar comum nos protestos de rua.

A primeira vítima dos Black Blocs (e congêneres) foi a democracia. Infiltrados na massa de revoltados, esses criminosos conseguiram esvaziar o sentido legítimo dos protestos populares.

Hoje, os vândalos fizeram sua segunda vítima: Santiago Ilídio Andrade, nosso colega, repórter da Rede Bandeirantes, que estava apenas cumprindo seu dever de informar.

A morte de Santiago é também uma baixa na imprensa livre, cada vez mais acoada e intimidada por tentar revelar a verdade dos fatos.

Assista ao Comentário de Rachel Sheherazade
 


This entry was posted in Artigos, Opinião, Uncategorized and tagged , , , , , , , , . Bookmark the permalink.

Comments are closed.