Presidente do STF, Joaquim Barbosa, participa de Conferência sobre Liberdade de Imprensa na Costa Rica

Ministro Joaquim Barbosa


SAN JOSÉ, COSTA RICA [ ABN NEWS ] — O presidente do Supremo Tribunal Federal, ministro Joaquim Barbosa, participou nesta sexta-feira (3) da Conferência Internacional em Comemoração ao Dia Mundial pela Liberdade de Imprensa, em São José, Costa Rica. A conferência é promovida pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco).

Sobre a impunidade

Nesta sexta-feira (3), o ministro Joaquim Barbosa foi o orador principal da 2ª Sessão Plenária, organizada pela Associação Interamericana de Imprensa (IAPA), que abordou o tema da impunidade. Entre os principais tópicos da discussão estão a relação entre a impunidade para crimes contra jornalistas e defensores dos direitos humanos e a violência de forma geral, o estado da impunidade em cada país e em nível global, e as formas de enfrentar o problema e reforçar a aplicação da lei e de melhorar as pesquisas sobre a extensão, a visibilidade e as consequências da impunidade.

Segundo os organizadores, nos últimos anos, em apenas um a cada dez crimes contra jornalistas e profissionais de comunicação houve a condenação de seus autores. O efeito concreto da impunidade é a autocensura e o enfraquecimento da confiança no sistema judicial. O objetivo dessa sessão plenária foi discutir o estado de impunidade em nível global e as ações adotadas pelos governos e instituições para reduzi-la.

Além do presidente do STF, participaram do painel representantes do Instituto Asiático de Jornalismo e Comunicação, das Filipinas, o presidente do Colégio de Jornalistas de Honduras e o diretor de mídia da TVN Canal 2, do Panamá.

Liberdade de Imprensa

O Dia Mundial pela Liberdade de Imprensa é um evento global comemorado no dia 3 de maio em mais de cem países, com um deles (este ano, a Costa Rica) centralizando os eventos principais da comemoração. A data foi escolhida em 1993 pela Assembleia Geral da Organização das Nações Unidas (ONU) como oportunidade para discutir o tema em todo o mundo, defender os veículos de comunicação dos ataques à sua independência e homenagear os jornalistas que perderam a vida no exercício de sua profissão.

This entry was posted in Eventos, Notícias, Uncategorized and tagged , , , , , , , , , , , , . Bookmark the permalink.

Comments are closed.